Chefe do Pentágono: 'tenho que fazer com que nossos militares sejam mais mortíferos'

© AP Photo / Mindaugas KulbisExército dos EUA
Exército dos EUA - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Administração do presidente Donald Trump solicitará US$ 716 bilhões (R$ 2,3 trilhões) para o orçamento militar do país no ano fiscal de 2019, que se iniciará no 1º de outubro do ano corrente.

Nesse contexto, o secretário de Defesa dos EUA, James Mattis, confirmou que tal aumento é realmente necessário devido às ameaças que os EUA enfrentam.

"Não vou ser subtil", disse ele em uma reunião com legisladores republicanos às portas fechadas. "Tenho que fazer com que nossos militares sejam mais mortíferos", afirmou, citado pelo jornal The Hill.

July 4, 2017. From right: Russian President Vladimir Putin meets with People's Republic of China President Xi Jinping in Moscow. - Sputnik Brasil
EUA defenderão estratégia nuclear visando ameaças de Rússia e China
Vale destacar que o novo orçamento militar superará em 7 % o do ano corrente, ou seja, em US$ 50 bilhões (R$ 158,8 bilhões). O orçamento militar atual dos EUA é de US$ 692 bilhões (R$2,2 trilhões).

O chefe do Pentágono sublinhou que o aumento corresponde à nova Estratégia de Segurança Nacional dos EUA, que visa opor resistência aos principais adversários do país — a China e a Rússia. Entretanto, os anos anteriores foram principalmente dedicados à luta contra o terrorismo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала