Caminhão danifica herança da época pré-colombiana no Peru

Nos siga noTelegram
Um caminhão entrou ilegalmente em território protegido na área das linhas de Nazca no Peru, situadas no planalto com mesmo nome, e as danificou, comunicou o Ministério da Cultura do país sul-americano.

Em 1994, as linhas de Nazca foram reconhecidas pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade. Consistem de linhas, desenhos e faixas que cobrem o planalto desde a era pré-colombiana.

Machu Picchu, Peru (imagem ilustrativa) - Sputnik Brasil
No Peru, é recuperado um dos geoglifos 'mais enigmáticos e antigos' (FOTOS)
O incidente ocorreu em 27 de janeiro. O motorista do caminhão foi detido, contra ele foi apresentada uma queixa por danos da herança cultural da humanidade. Os pneus do veículo deixaram vestígios profundos em uma área de aproximadamente 50 a 100 metros, danificando parcialmente os antigos desenhos.

Em 2014, as autoridades do Peru abriram uma investigação contra a organização ambiental Greenpeace pelos supostos danos causados ao local, onde as linhas de Nazca estão localizadas. Trata-se de um território com cerca de 1,6 mil metros quadrados, onde ecologistas estabeleceram um cartaz gigante se dirigindo a participantes da conferência climática da ONU que decorreu no pais.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала