Egito prende 15 pessoas relacionadas a ataque de igreja cristã

© AP Photo / Mosa'ab ElshamyCristãos ortodoxos participam de cerimônia religiosa em uma igreja do Cairo, no Egito
Cristãos ortodoxos participam de cerimônia religiosa em uma igreja do Cairo, no Egito - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Egito anunciou a prisão de 15 pessoas suspeitas de participação no ataque a uma igreja cristã no sul da capital do país Cairo. 12 dos presos eram muçulmanos enquanto 3 deles, surpreendentemente, eram cristãos.

Ambulância egípcia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Homens armados atacam ônibus com cristãos no Egito
Na última sexta-feira (22), centenas de manifestantes entraram na igreja após as celebrações da semana. Sob a alegação de que o local não tinha autorização para funcionar, eles destruíram as instalações enquanto gritavam palavras de ordem contra cristãos e pediam a demolição do local.

Representando 10% da população local de acordo com a agência Associated Press, os cristãos são frequentemente alvo de muçulmanos radicais e organizações terroristas posicionadas no país. No início do ano, ataques contra duas igrejas mataram centenas de pessoas a poucos dias da visita do Papa Francisco ao país e foram reivindicados pelo Daesh (autodenominado Estado Islâmico).

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала