Preparando-se para 'guerra no espaço': até 2030 EUA receberão frota espacial

CC0 / PIRO4D / SatéliteUm satélite na órbita terrestre
Um satélite na órbita terrestre - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
EUA cada vez mais aumentam gastos em defesa e em medidas de combate, inclusivamente em novas tecnologias militares. Durante vários anos, os EUA se dedicam na exploração do espaço e, consequentemente, vêm se preparando para uma possível "guerra no espaço".

Tanques de combate de Abrams da 4ª Divisão de Infantaria do Exército dos EUA, a 3ª Brigada de Combate da Equipa, do 68º Armamento do Regimento e do 1º Batalhão de vagões chegam à estação ferroviária de Gaiziunai a cerca de 110 km a oeste da capital Vilnius, Lituânia. - Sputnik Brasil
O mais imprescindível: conheça 5 armas que EUA poderiam usar na nova guerra coreana
O chefe de Comando Espacial da Força Aérea dos EUA, general John W. Raymond, contou em uma entrevista à revista Popular Mechanics

De acordo com o general estadunidense, a Rússia elabora sistema de defesa antissatélite pelo menos desde 1980. Além disso, a China também causa preocupação aos EUA, pois em 2007 efetuou o teste de míssil balístico intercontinental, derrubando um satélite localizado na órbita terrestre. Em relação a isso, os EUA estão em busca de meios de proteção em caso de algum ataque espacial hipotético.

"Existem vários meios [de conduzir uma guerra espacial], e não pretendo entrar em detalhes e descrever o que nós [EUA] podemos ou não fazer. No entanto, realizamos nossa atividade em todas as direções, desde alteração de trajetória até uso de armas cinéticas", declarou o general na entrevista.

Entretanto, ele acrescentou que até 2030, a Força Aérea dos EUA receberá a frota espacial que permitirá detectar e conter ameaças potenciais e, se necessário, desarmar o inimigo colocando-o fora de combate.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала