Ex-governador do México acusado de lavar dinheiro para o tráfico de drogas é preso

© Sputnik / Natalia Seliverstova / Abrir o banco de imagensNotas de dólares norte-americanos
Notas de dólares norte-americanos - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um ex-governador mexicano acusado de corrupção foi preso nesta sexta-feira (6). É o quarto ex-governador preso neste ano e todos eles fazem parte do partido do presidente Henrique Peña Nieto, o Partido Revolucionário Institucional (PRI).

Eugenio Hernández, que foi governador do estado de Tamaulipas de 2005 a 2010, foi preso na capital do estado, Ciudad Victoria. Ele é acusado pelas autoridades mexicanas e estadunidenses de desvios de recursos públicos e lavagem de dinheiro.

Veículo da patrulha norte-americana de fronteira avança ao longo da cerca entre EUA e México - Sputnik Brasil
Protótipos da muralha na fronteira com México são construídos nos EUA
Segundo a promotoria dos Estados Unidos, Hernández lavou dinheiro oriundo do comércio de drogas.

Seu antecessor no cargo, Tomas Yarrington, foi preso na Itália em abril e também é acusado pelas autoridades dos EUA de ter laços com o tráfico de drogas.

Em abril, Javier Duarte, ex-governador de  Veracruz, foi preso na Guatemala, acusado de desviar milhões de dólares dos cofres do Estado. Ele nega qualquer irregularidade.

Já Roberto Borge, antigo governador de Quintana Roo, foi detido no Panamá em junho, momentos antes de embarcar para Paris. As autoridades mexicanas solicitaram sua extradição.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала