Panamá recebe chanceler chinês após romper laços diplomáticos com Taiwan

© AP Photo / Arnulfo Franco Da esquerda para a direita: o chanceler chinês, Wang Yi, o presidente do Panamá, Juan Carlos Varela, e chanceler panamenha, Isabel de Saint Malo
Da esquerda para a direita: o chanceler chinês, Wang Yi, o presidente do Panamá, Juan Carlos Varela, e chanceler panamenha, Isabel de Saint Malo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente do Panamá, Juan Carlos Varela, recebeu neste sábado (16) o ministro chinês das relações exteriores, Wang Yi. Foi a primeira visita oficial de alto escalão da China desde que os dois países retomaram relações diplomáticas há cerca de três meses.

Canal do Panamá - Sputnik Brasil
Pequim deseja acabar com 'monopólio' norte-americano sobre canal do Panamá
Na reunião, o Panamá expressou interesse em atrair empresas chinesas e em utilizar seu centro aéreo para voos diretos entre os dois países. 

Segundo comunicado da presidência do Panamá obtido pela agência Associated Press, o país caribenho destacou os benefícios de sua infraestrutura logística e de portos e afirmou que "tem potencial para se tornar a ponte e o braço comercial entre a China e toda a América Latina".

Wang adiantou que o presidente chinês, Xi Jinping, receberá Varelá em Pequim no mês de novembro — será a primeira visita de um presidente panamenho à China na história.

Citando razões estratégicas e econômicas, o Panamá anunciou em junho o estabelecimento de laços diplomáticos com a China e a ruptura imediata com Taiwan. Pequim não reconhece a soberania de Taiwan e revindica seu território. 

A China é o segundo maior cliente do Canal do Panamá — ligação artificial para navios que une o oceano Atlântico ao oceano Pacífico.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала