Rússia sofre com onda de ameaças anônimas há 5 dias: mais de 130 mil pessoas evacuadas

© Sputnik / Vladimir Trefilov / Abrir o banco de imagensVisitors outside AFIMALL City shopping center. Security services verify memos on bombs being placed in buildings and shopping malls, Moscow
Visitors outside AFIMALL City shopping center. Security services verify memos on bombs being placed in buildings and shopping malls, Moscow - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Três boates no centro de Moscou, capital da Rússia, foram evacuadas neste sábado, após ligações anônimas com ameaça de bomba.

Segundo uma fonte da Sputnik, no total, 200 pessoas foram retiradas dos estabelecimentos pelas autoridades. 

A "onda" de ligações anônimas com ameaças de bomba em diversos prédios públicos e comerciais já dura cinco dias em todo o país, e colocou Moscou em alerta desde quarta-feira.

Polícia na Praça Vermelha em Moscou - Sputnik Brasil
Ameaças anônimas de bombas na Rússia provêm do exterior e estão ligadas ao Daesh
Mais de 50 ligações anônimas já informaram sobre explosivos em estações ferroviárias e grandes centros comerciais da capital russa. Durante os trabalhos de verificação, mas de 40 mil pessoas precisaram ser evacuadas desses locais. 

Entre terça e quarta-feira, em todo o país, mais de 130 mil pessoas foram evacuadas de 420 localidades após ligações anônimas com ameaças. 

Até o momento, no entanto, nenhuma das ameaças se provou verdadeira. Explosivos não foram encontrados.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала