Putin define data para anunciar candidatura às eleições na Rússia, diz jornal

© Sputnik / Aleksei DruzhininPresidente rússo, Vladimir Putin, duranta coletiva de imprensa conjunta com Sergio Mattarella, presidente da Itália
Presidente rússo, Vladimir Putin, duranta coletiva de imprensa conjunta com Sergio Mattarella, presidente da Itália - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente russo Vladimir Putin já definiu a data para anunciar se participa ou não das eleições presidenciais de 2018, de acordo com fontes consultadas pelo jornal local Kommersant. E isso será feito em duas fases.

A publicação informa nesta terça-feira que Putin anunciará a sua candidatura à reeleição em novembro deste ano, provavelmente em um evento televisionado semelhante ao que o presidente já participa, respondendo perguntas da população.

Em seguida, no mesmo mês, Putin deverá participar de vários eventos públicos, como o fórum comunitário organizado pela Câmara Pública Russa, o Dia da Unidade do Povo da Rússia, marcado em 4 de novembro, e o centenário da Revolução Bolchevique que será celebrado em 7 de novembro.

Vladimir Putin, presidente da Rússia - Sputnik Brasil
Por que Vladimir Putin não revela se será candidato à reeleição em 2018?

Em uma segunda fase, o presidente russo tentará adiar ao máximo os procedimentos burocráticos para concorrer, o que, segundo fontes ouvidas pelo jornal, significa realizar uma campanha curta e efetiva.

De acordo com a lei eleitoral russa, as eleições presidenciais devem ser anunciadas antes de 100 dias e no máximo 90 dias antes da data programada. Como o pleito deve acontecer em 18 de março — o aniversário da reunificação da Crimeia com a Rússia —, a data do anúncio de Putin deve ficar entre 7 e 17 de dezembro.

Até 20 dias depois disso — ou até 6 de janeiro, o que for mais cedo — a Comissão Central de Eleições deve registrar um grupo para a campanha eleitoral de cada candidato. O jornal Kommersant publicou ainda que Putin deverá concorrer como um candidato independente.

No início deste mês, o presidente russo justificou a indefinição em torno da sua candidatura, afirmando que “uma vez que se fale em eleições, todos param de trabalhar” no país.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала