Putin diz que 'pretende garantir a segurança e a independência' da Abkházia

© Sputnik / Alexei Druzhinin / Abrir o banco de imagensPresident Vladimir Putin and President of Abkhazia Raul Khadjimba, right, during a meeting
President Vladimir Putin and President of Abkhazia Raul Khadjimba, right, during a meeting - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Rússia pretende continuar a garantir a segurança e a independência da Abkházia, disse o presidente da Rússia, Vladimir Putin.

"Temos muito o que discutir, mas o mais importante é que temos uma relação especial, totalmente especial com a Abkházia. Garantimos de forma segura a segurança e a auto-suficiência da Abkházia, sua independência. Estou certo de que isso continuará", Putin disse em uma reunião com o seu homólogo abkhazês Raul Khajimba.

Representantes do Ministério para Situações de Emergência, Abkházia - Sputnik Brasil
Explosão na Abkházia poupou base russa
O presidente russo sublinhou que era necessário encontrar formas ideais de desenvolver a economia da Abkházia para criar novos empregos e sua própria base de tributação. Putin observou que ele iria discutir o problema com Khajimba.

Durante a reunião, Putin também enfatizou a importância da cooperação entre as forças de ambos os países.

"Espero muito que este trabalho conjunto consista em aumentar a segurança dos turistas que ficam aqui [na Abkházia]", disse o líder russo.

Em 26 de agosto de 2008, o então presidente e presidente da Rússia, Dmitry Medvedev, assinaram decretos sobre o reconhecimento da independência da Abkházia e da Ossétia do Sul e estabelecimento de relações diplomáticas com ambas as repúblicas. Enquanto isso, a Geórgia ainda considera as regiões como parte de seu território.

 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала