Política de drogas de Obama fracassou e aumentou em 40% as mortes induzidas por tóxicos

© AFP 2022 / Massoud HOSSAINISoldado norte-americano no campo de papoilas no Afeganistão
Soldado norte-americano no campo de papoilas no Afeganistão - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um relatório da Escritório de Prestação de Contas do Governo revela que nenhum dos objetivos gerais da Estratégia Nacional de Controle de Drogas dos EUA de Barack Obama foi totalmente alcançado.

Diosdado Cabello em 2013 - Sputnik Brasil
EUA pretendem investigar presidente da Assembleia venezuelana por tráfico de drogas
Nenhum dos objetivos gerais na Estratégia Nacional de Controle de Drogas dos EUA do presidente Barack Obama foi totalmente alcançado e as mortes induzidas por drogas aumentaram de mais de 40%, de 2009 a 2015, o Escritório de Prestação de Contas do Governo (GAO) informou em um relatório.

"O Governo Federal fez um progresso misto para alcançar os objetivos articulados na Estratégia Nacional de Controle de Drogas 2010", afirmou o relatório na quarta-feira. "Nenhum dos objetivos gerais da Estratégia foi totalmente alcançado".

Não foram feitos progressos no objetivo de reduzir as mortes induzidas por drogas em 15% e as mortes induzidas por drogas aumentaram de 41,5% de 2009 até 2015.

"De acordo com o ONDCP [Escritório de Política Nacional de Controle de Drogas] a partir de julho de 2017, o trabalho está atualmente em andamento para desenvolver uma nova estratégia", afirmou o relatório.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала