Exército do Iêmen derrubou aeronave e 15 helicópteros da coalizão saudita

© AFP 2022 / MOHAMMED HOWAISApoiantes dos rebeldes houthis mostram modelos de mísseis durante uma manifestação na capital do Iêmen.
Apoiantes dos rebeldes houthis mostram modelos de mísseis durante uma manifestação na capital do Iêmen. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O vice-representante do exército do Iêmen, general de brigada Aziz Rashid, revelou à Sputnik os detalhes do incidente, durante o qual uma aeronave de reconhecimento da coalizão liderada pela Arábia Saudita foi derrubada nesta terça-feira.

Membros das forças de segurança iemenitas se mostram leais aos houthis - Sputnik Brasil
General iemenita promete responder à Arábia Saudita com um ataque ao 'coração' do país
A aeronave foi abatida no território da Arábia Saudita, na região de Najran, que faz fronteira com o Iêmen.

Segundo o general, "recentemente o exército conseguiu recuperar e tornar funcional um radar". 

"Isso possibilitou a detecção eficiente do deslocamento da aviação da coalizão, mesmo em baixas altitudes, o que limitou de forma considerável as capacidades do inimigo. Foi um grande salto para o exército do Iêmen", comemorou o militar. 

O general disse que a destruição da aeronave de reconhecimento da coalizão demonstrou a eficiência do funcionamento do sistema de radar. Ele acrescentou que esta não seria a primeira operação do tipo. Mais cedo, o exército iemenita já abateu 15 helicópteros inimigos em seu território. Desta vez, no entanto, a aeronave foi abatida em território da Arábia Saudita, explicou Aziz Rashid.

"Conseguimos ter acesso aos destroços da aeronave. Graças a isso obtivemos muita informação, coletada pela nave. São fotografias da disposição das forças militares no Iêmen, bem como um mapa de ataques planejados contra as nossas posições", revelou o general.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала