Português é detido na Venezuela por atividades consideradas terroristas

© AFP 2022 / JUAN BARRETOMilitares na base área de Francisco de Miranda, Caracas, foto de arquivo
Militares na base área de Francisco de Miranda, Caracas, foto de arquivo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Na lista dos acusados, que foram detidos na operação policial em uma cidade venezuelana, figura o nome de um português de 27 anos.

No âmbito da operação policial, realizada no município de Chacao, foram detidas três pessoas e foram encontrados materiais explosivos, roupa militar e coletes a prova de balas.

Manifestantes da oposição em confronto com a polícia durante a chamada mãe de todas as marchas contra o presidente da Venezuela, Nicolas Maduro, em Caracas - Sputnik Brasil
35 pessoas morreram em um mês de protestos na Venezuela
Óscar Gabriel Costa foi detido pelas autoridades venezuelanas com outras duas pessoas, todos acusados de lançar explosivos varias vezes contra a base aérea de Francisco de Miranda, situada perto de Caracas.

O anúncio foi feito pelo ministro do Interior e Justiça venezuelano, Néstor Reverol, na televisão. Além das fotos dos acusados, a autoridade do país revelou imagens das armas e explosivos, utilizados pelos criminosos.

Destaca-se que três homens também atacaram agentes da Guarda Nacional.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала