Coreia do Norte estará preparando uma frota de submarinos nucleares?

© REUTERS / KCNALíder da Coreia do Norte Kim Jong-un
Líder da Coreia do Norte Kim Jong-un - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Há dois anos, uns 50 submarinos norte-coreanos desapareceram dos radares, o que provocou o pânico em Seul e Tóquio. Os motivos do desaparecimento estão ainda por determinar. O jornal britânico Daily Mail, em seu artigo recente, indica a possibilidade de que Pyongyang os esteja reconstruindo para poderem levar armas nucleares.

A tensão entre a Coreia do Norte e o Ocidente continua se agravando. Entretanto, Kim Jong-un vai aumentando as capacidades da frota de submarinos norte-coreana.

Porta-aviões americano USS Carl Vinson no porto de San Diego, foto de arquivo - Sputnik Brasil
Embaixador russo: 'eu recomendaria a Trump não atacar Coreia do Norte'
O líder norte-coreano pode mesmo ter planos para equipar vários submarinos com armas nucleares de forma a serem capazes de atacar o inimigo a partir de qualquer lugar, escreve o autor do artigo.

As preocupações quanto aos supostos planos de Pyongyang para criar uma frota de submarinos nucleares são explicadas pelos acontecimentos de 2015, quando cerca de 50 submarinos desapareceram simultaneamente. Naquele momento, uns 70% dos submarinos norte-coreanos deixaram de ser visíveis nos radares.

Aquele incidente aconteceu em plena tensão entre o Sul e o Norte. Os militares sul-coreanos acharam o fato um mau sinal e decidiram mobilizar todos os recursos disponíveis para encontrar os navios.
Mais tarde, as autoridades sul-coreanas informaram que tinha reaparecido a maioria dos submarinos, mas não todos.

Em dezembro passado foram publicadas algumas fotos tiradas por um satélite, provocando o receio que Pyongyang possa se estar preparando para realizar um ataque com armas nucleares a partir de seus submarinos.

Tudo indicava que o submarino se estava preparando para zarpar ou acabava de regressar à base, diz a publicação do jornal Daily Mail.

Porta-aviões USS Carl Vinson (CVN-70), de 97.000 toneladas (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Coreia do Norte ameaça destruir porta-aviões norte-americano se EUA atacarem
Embora sejam desconhecidos os motivos reais da Coreia do Norte, acrescentam, as imagens podem indicar que atualmente a Coreia do Norte é capaz de equipar os submarinos com mísseis ainda maiores do que os da classe KN-11.

Uma provocação de Pyongyang parece ser ainda mais possível, dado que em 15 de abril o país celebrará o 105º aniversário do nascimento do fundador do Estado Kim Il Sung. A festa respectiva se chama "O Dia do Sol", sendo a festa nacional mais importante. As autoridades norte-coreanas costumam realizar ensaios de suas armas em dias como este. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала