Universidade russa irá elaborar critérios de 'felicidade'

© Foto / PixabayFelicidade
Felicidade - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Na Universidade de Pesquisa Nacional de Tomsk será criado o primeiro laboratório internacional que irá investigar os critérios de felicidade. Essa informação foi divulgada durante uma reunião na Assembleia Municipal de Moscou pelo membro da Sociedade Geográfica Russa, Yevgeny Kovalevsky.

Um participante especial do evento foi o diretor do Centro de Estudos da Felicidade do Butão, Dorje Penjo. Ele criou uma concepção da felicidade nacional, que foi aprovada no seu país e é considerada, a par dos indicadores do PIB, um fator importante para investigar a qualidade de vida da população.

"Continuamos a assinar acordos com a Universidade de Pesquisa Nacional de Tomsk e com a Sociedade Geográfica Russa, vamos criar uma sociedade de amizade russo-butanesa, nosso objetivo é — aumentar a qualidade de vida", afirmou Kovalevsky.

Foto tirada na Ponte de Xinguang em Guangzhou, uma ponte em arco de 428 metros num um único vão, que é um dos vãos mais longos no mundo - Sputnik Brasil
A China nunca antes imaginada: artista desvenda segredos do Oriente
Além disso, ele declarou que em breve em Tomsk será realizada a reunião "Sibéria — Butão: Critérios de Felicidade." "Os nossos objetivos principais serão entender se é possível adotar essa experiência do Butão na Rússia, elaborando nossos próprios critérios", acrescentou.

Segundo as palavras do membro da Sociedade Geográfica Russa, será realizada uma série de expedições no âmbito de esse trabalho.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала