Presidente bielorrusso pede que Rússia forneça mais caças em vez de criar base militar

© Sputnik / Egor Eryomov / Abrir o banco de imagensAeronaves MIG-29 ensaiam para parada militar em Minsk, Bielorrússia
Aeronaves MIG-29 ensaiam para parada militar em Minsk, Bielorrússia - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente da Bielorrússia Aleksandr Lukashenko propôs à Rússia suprimir a Minsk 20 aviões, em vez de criar uma base militar no seu território.

Sukhoi PAK FA T-50 - Sputnik Brasil
Rússia pretende entregar motor para caças de última geração T-50 até 2020
Antes, a Rússia tinha anunciado que pretendia abrir uma nova base aérea na Bielorrússia em 2014. Na cidade de Bobruysk deveriam ser posicionados até 24 jatos.

Lukashenko acha que tal decisão aumentaria a importância do país como alvo para a OTAN. Como alternativa, Minsk sugeriu usar os aviões sem pilotos russos ou aceitar apenas uma presença provisória rotativa da Rússia.

"É necessário reconstruir o aeródromo [de Bobruysk]… O que estou dizendo é – me deem 20 aviões, nós temos bons pilotos, temos uma escola forte [de treinamento de voos], vocês sabem que nós não somos piores que os pilotos russos em aviões de combate", declarou Lukashenko.

O líder bielorrusso deixou claro que em termos militares não há razões para instalar uma base militar russa no país e acrescentou que a Bielorrússia "nunca será um agressor".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала