Força Aérea nigeriana ataca campo de refugiados e deixa 100 mortos e 120 feridos

CC BY-SA 2.0 / Bob Adams / Nigerian Air Force. (File)
Nigerian Air Force. (File) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Pelo menos 100 pessoas morreram após um ataque, realizado por engano pela força aérea nigeriana, contra um campo de refugiados no nordeste do país, informou AFP, citando comunicado da organização Médicos sem Fronteiras.

Soldados nigerianos exibem bandeira do Boko Haram apreendida na retomada da cidade de Damasak, em 18 de março de 2015 - Sputnik Brasil
Nigéria anuncia derrota do grupo terrorista Boko Haram
"As brigadas dos Médicos sem Fronteiras relatam 120 feridos e 50 mortos", cita a agência a declaração da ONG. A confusão parece ser grande no local. Segundo diversas fontes, o número de mortos varia entre 25 e mais de 100.

Mais cedo, o representante do exército nigeriano, general Lucky Irabor, declarou que um avião da Força Aérea, em missão contra o grupo terrorista Boko Haram, bombardeou, por engano, um campo de refugiados. Segundo o militar, durante o incidente morreram ou ficaram feridos refugiados, representantes de organizações humanitárias e alguns nigerianos, que trabalhavam para os Médicos sem Fronteiras e para o comitê internacional da Cruz Vermelha. O número oficial de mortos e feridos ainda não foi divulgado.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала