Terroristas do Daesh dissipam mito de invulnerabilidade de tanques alemães Leopard

© AP Photo / Michael SohnTanque Leopard 2 durante demonstração na Alemanha (foto de arquivo)
Tanque Leopard 2 durante demonstração na Alemanha (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os jihadistas do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia e em vários outros países) publicaram na Internet as imagens de quatro carros de combate alemães Leopard 2 destruídos no decorrer dos combates perto da cidade síria de Al-Bab.

Tanque de guerra T-14 Armata - Sputnik Brasil
Militares britânicos consideram Armata o tanque mais revolucionário da geração
Após terem analisado os danos causados a esse material militar, os analistas concluíram que dois veículos de combate passaram sobre minas, enquanto os restantes foram destruídos por canhões antitanque.

O jornal russo Rossiyskaya Gazeta escreveu que, tendo em conta o fato acima mencionado, se pode constatar que "o mito de invulnerabilidade dos tanques alemães Leopard foi dissipado".

Antes, a Turquia reforçou suas tropas com um batalhão de tanques Leopard 2A4, no âmbito da operação militar na Síria batizada de Escudo do Eufrates e iniciada em 24 de agosto do ano em curso. Segundo foi informado, essa manobra teve por objetivo limpar de terroristas Al-Bab, uma cidade síria de importância estratégica.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала