Ônibus para evacuação foram bombardeados em Aleppo

© REUTERS / Abdalrhman IsmailOs sírios andam pelas ruas com prédios desmoronados, ao fugirem aos confrontos entre as forças do governo e os rebeldes, no Leste de Aleppo
Os sírios andam pelas ruas com prédios desmoronados, ao fugirem aos confrontos entre as forças do governo e os rebeldes, no Leste de Aleppo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O bairro de Salaheddin em Aleppo, onde ônibus estão esperando o último grupo de militantes para os retirar da cidade, foi atacado com fogo de morteiros, informa o correspondente da RIA Novosti em Aleppo.

Um membro das forças leais ao presidente da Síria, Bashar Assad, tenta erguer a bandeira nacional da Síria na mesquita de Umayyad, 13 de dezembro de 2016 - Sputnik Brasil
Últimos militantes vão deixar Aleppo por desespero, diz senador russo
No bairro de Salaheddin explodiram duas granadas. O primeiro projetil rebentou perto do estádio esportivo, no local onde está a coluna de ônibus, o segundo — à saída da cidade.

A partir do bairro de Ameria, militantes abriram fogo usando armas ligeiras contra posições do exército sírio apesar do acordo de cessar-fogo.

"Os militantes abriram fogo quase de todas as partes de Ameria. Mas nós não respondemos à provocação cumprindo ordens de cima", afirmou um oficial do exército sírio à RIA Novosti.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала