Rússia registra 36 violações do cessar-fogo na Síria nas últimas 24 horas

© AP Photo / Hassan AmmarSoldados do exército da Síria ajudam famílias a deixar os bairros orientais de Aleppo, controlados por grupos terroristas
Soldados do exército da Síria ajudam famílias a deixar os bairros orientais de Aleppo, controlados por grupos terroristas - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Centro para a Reconciliação na Síria russo na base aérea de Hmeimim registrou um total de 36 violações do regime de cessar-fogo na Síria nas últimas 24 horas, disse o Ministério da Defesa russo neste domingo.

Exército sírio toma bairro de Meisar, em Aleppo Oriental - Sputnik Brasil
Rússia ainda não alcançou acordo com EUA sobre saída de terroristas de Aleppo
Informações repassadas pelo Ministério da Defesa russo à Sputnik dão conta de que pelo menos 36 violações ao regime de cessar-fogo no país foram registradas nas últimas 24 horas.

Segundo o Ministério, os casos foram reportados em cinco províncias:

"Nas últimas 24 horas, 36 bombardeamentos realizados por formações armadas ilegais foram registrados nas províncias de Aleppo (19), Damasco (14), Latakia (1), Hama (1) e Daraa (1)", informa o boletim.

Militantes teriam feito uso de armas leves e morteiros para atacar uma série de assentamentos na província de Damasco. Na província de Latakia, os militantes do Ahrar al-Sham atacaram um assentamento e usaram vários sistemas de foguetes de lançamento e morteiros para bombardear dois assentamentos na província de Aleppo.

Jabhat Fatah Al-Sham (também conhecido como Frente al-Nusra) usou morteiros, sistemas de lançamento de foguetes múltiplos, artilharia, mísseis guiados antitanque e armas leves para realizar 15 ataques na cidade sitiada de Aleppo. Várias violações também foram registradas nas províncias de Daraa e Hama, de acordo com o boletim.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала