John Glenn, astronauta e lenda, morre aos 95 anos

Nos siga noTelegram
O lendário astronauta norte-americano, John Glenn, morreu aos 95 anos, informou o jornal Columbus Dispatch.

Glenn, em 1962, foi o primeiro astronauta dos EUA a realizar uma viagem espacial e a entrar na órbita da Terra.

Segundo o jornal, o astronauta faleceu no centro médico Wexner, na capital do estado de Ohio, Columbus, na presença familiares e amigos.

Autoridades norte-americanas manifestaram condolências e homenagens ao pioneiro das viagens espaciais neste país. Entre outros, o governador do estado de Ohio e ex-candidato à presidência dos EUA pelo partido republicano, John Kasich. 

“Curvamos nossas cabeças e compartilhamos a tristeza com a sua amada esposa, Anny. Devemos olhar para os céus para lembrar e agradecer ele pelos magníficos voos e muitos anos de serviço ao nosso país”, disse o político. Ele adicionou que, apesar dos voos espaciais, o “coração de Glenn sempre permaneceu no seu estado natal, Ohio”.

John Glenn foi o primeiro astronauta norte-americano (e terceira pessoa no mundo, depois dos soviéticos Yuri Gagarin e German Titov), a realizar um voo espacial à órbita terrestre. Em 20 de fevereiro de 1962, Glenn, no âmbito da missão Friendship 7, realizou três voltas ao globo terrestre. O voo do norte-americano durou 4 horas e 55 minutos. Após aterrissagem, John Glen se transformou em herói nacional dos EUA e foi condecorado com medalha da NASA.

A agência espacial dos EUA divulgou uma imagem de Glenn em seu Twitter. "Boa sorte, Glenn!".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала