Por que os terroristas do Daesh profanam cemitérios?

© Sputnik / Mikhail Alaeddin / Abrir o banco de imagensO exército sírio libertou a localidade de Osman
O exército sírio libertou a localidade de Osman - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Mortos na Síria sofrem dos terroristas tanto como os vivos.

Um residente da cidade de Douma (localizada perto de Damasco) disse à Sputnik Árabe que os mortos sofrem dos terroristas tanto como os vivos.

Os terroristas do Daesh estão destruindo um cemitério porque decidiram que uma lápide vertical com o nome do falecido e as datas de nascimento e morte dele é um ídolo.

Os moradores chegam lá e oram por seus parentes. Isto é contrário à doutrina da organização e, portanto, deve ser destruído. A chamada Comissão de Destruição dos Túmulos chegou com tratores de esteira e quebrou o cemitério.

Uma operação especial no subúrbio de Damasco, na cidade de Douma - Sputnik Brasil
Filho de Trump se encontrou com adeptos do diálogo entre Rússia e EUA sobre a Síria
O interlocutor da Sputnik disse que ele não pôde encontrar o túmulo de sua mãe, porque as lápides foram demolidas e o terreno está revolto. No total, no cemitério de Douma foram profanadas 150 sepulturas.

A Comissão de Destruição dos Túmulos demole os túmulos de clérigos venerados, bem como túmulos dos pais dessas pessoas. Os terroristas acreditam que eles estão lutando contra ídolos, acrescentou a fonte.

Um morador local disse à Sputnik que os próprios combatentes do Daesh sepultam seus militantes em valas comuns ou simplesmente jogam na rua, sem enterrar.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала