Cientista político diz o que é preciso para um 'reset' das relações russo-americanas

© REUTERS / Mike SegarTrump e Pence em Nova-York, 9 de Novembro 2016
Trump e Pence em Nova-York, 9 de Novembro 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O mais importante para um possível "reset" nas relações entre os EUA e a Rússia, após as eleições presidenciais nos Estados Unidos, é saber se os lados terão uma oportunidade para a cooperação, afirmou Sun Zhe, diretor do Centro de Relações Americano-Chinesas da Universidade de Tsinghua e professor do Instituto de Estudos Internacionais.

De acordo com os dados recentes, o republicano Trump ganhou a eleição presidencial dos EUA. A candidata do Partido Democrata, Hillary Clinton, ligou a Trump e reconheceu a sua derrota eleitoral, disse a CNN.

“O presidente Putin pode expressar a intenção de melhorar as relações com os Estados Unidos, mas o povo americano durante a campanha eleitoral de Trump e Clinton viu muitas críticas à Rússia na mídia, por isso a atitude geral dos americanos em relação à Rússia pode por um tempo passar por um período de hostilidade”, disse Sun Zhe à RIA Novosti.

Além disso, o especialista acha que para um reinício das relações entre Washington e Moscou depois das eleições nos Estados Unidos, a questão principal é saber se os lados terão uma oportunidade para a cooperação.

“Falando de uma oportunidade para um “reset” das relações dos EUA e a Rússia (depois das eleições) o principal é se vai ter uma ocasião conveniente para a cooperação”, disse o especialista.

Presidente russo Vladimir Putin durante o encontro com a chanceler alemã Angela Merkel na cúpula do G20 em Hwanghae, China, 4 de setembro de 2016 - Sputnik Brasil
Putin felicita Trump pela vitória eleitoral (VÍDEO)
As eleições presidenciais dos Estados Unidos foram realizadas em 8 de novembro, com um sistema de duas fases. Primeiramente é efetuada uma votação pública em 50 estados separadamente. O candidato vencedor em cada estado leva todos os delegados eleitorais, cujo número é igual ao número de distritos eleitorais das eleições para o Congresso. Para vencer é preciso obter 270 delegados de entre 538. Os delegados formalmente votam nos candidatos presidenciais no dia de 19 de dezembro, e o Congresso aprovará os resultados da votação no dia 06 de janeiro de 2017.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала