Irã espera que Trump respeite acordo nuclear

© Sputnik / Valery Melnikov / Abrir o banco de imagensLançamento do projeto da usina nuclear Bushehr no Irã
Lançamento do projeto da usina nuclear Bushehr no Irã - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Na quarta-feira (09), o presidente da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do parlamento iraniano Alaeddin Boroujerdi manifestou a esperança de que o presidente eleito Donald Trump respeite o acordo sobre o programa nuclear iraniano.

Míssil superfície-ar Hawk é lançado durante os exercícios militares no Irã - Sputnik Brasil
200 cargas nucleares de Israel contra programa nuclear pacífico do Irã
Trump conseguiu 276 delegados (ainda nem todos os votos foram apurados, podendo Trump conseguir ainda mais votos) contra apenas 218 da ex-secretária de Estado Hillary Clinton apoiada pelo atual presidente, Barack Obama. Ele será o 45º presidente do país.

"Existe uma diferença entre Trump durante as eleições e Trump no cargo do presidente norte-americano, nós aguardamos para ver qual será a política de Trump em relação à região e ao mundo islâmico", informou Boroujerdi citado pela Sputnik Árabe.

Segundo ele, "o governo americano prometeu cumprir o acordo nuclear, e seria natural que o novo presidente respeitasse as decisões internacionais".

Entretanto, Boroujerdi destacou que "a vitória de Trump demonstra a reação do povo americano aos adeptos de guerras que provocaram a morte de milhares de americanos e gastos de milhões de dólares pelos EUA".

Arábia Saudita - Sputnik Brasil
Irã: Arábia Saudita integra Conselho de Direitos Humanos por razões políticas
Na opinião de Boroujerdi, se a política de Trump no cargo de presidente continuar a mesma que ele definiu na sua campanha eleitoral, "haverá necessidade de acabar com a agressão saudita no Iêmen e pelo menos parar de armar a Arábia Saudita".

As conversações do chamado sexteto de negociadores internacionais com o Irã foram concluídas em 14 de julho de 2015 com um acordo histórico para controlar o programa nuclear de Teerã em troca do levantamento das sanções internacionais.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала