Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Crise migratória: 2016 registra maior número de mortes na história do Mediterrâneo

© AP Photo / Matthias SchraderMarinha alemã resgata imigrantes no Mediterrâneo, que partiram da Líbia.
Marinha alemã resgata imigrantes no Mediterrâneo, que partiram da Líbia. - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Organização Internacional para as Migrações (OIM) informou nesta sexta-feira (28) que 3.930 imigrantes morreram durante a travessia do Mar Mediterrâneo em 2016.

Guarda Costeira italiana se aproxima de barco de imigrantes na costa da Líbia, no Mar Mediterrâneo, em 22 de abril de 2015 - Sputnik Brasil
Mar de gente: Mais de 2.000 imigrantes são resgatados no Mediterrâneo nesta sexta
Segundo Agência Ansa, isso é mais, do que durante todo o ano passado, quando 3.777 pessoas morreram durante a travessia marítima para a Europa.

"Como há muitas buscas e missões de salvamento em andamento, a estimativa mínima de 3.930 mortes de imigrantes até agora deve subir nos próximos dias, quando mais informações emergirem", informou a OIM em nota.

O relatório da OIM confirma que o ano de 2016, mesmo a dois meses do fim, já é o que registra maior número de mortes na história do Mediterrâneo.

Segundo a OIM, 332.046 pessoas já chegaram à Europa até esta quinta-feira, sendo que 169.524 foram para a Grécia e 157.049 para a Itália, informou Agência Brasil.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала