Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Paradoxo? Ucrânia pretende cumprir Acordos de Minsk sem prejudicar interesses próprios

© AP Photo / Sergei ChuzavkovPresidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko
Presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko - Sputnik Brasil
Nos siga no
O presidente da Ucrânia, Pyotr Poroshenko, declarou hoje (20), em Bruxelas, que Kiev continua respeitando os Acordos de Minsk e está disposto a cumprir todas as suas obrigações, porém, não em detrimento de seus próprios interesses.

“A Ucrânia continua sendo totalmente fiel aos Acordos de Minsk e, como se destacou na reunião de ontem, a Ucrânia está disposta a implementar a sua parte das obrigações, mas não à custa de seus próprios interesses” – disse Poroshenko em entrevista coletiva após se reunir com o secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg.

Обращение президента Украины Петра Порошенко - Sputnik Brasil
Poroshenko: 'não existe alternativa ao formato de Normandia'
Moscou espera que o processo de regulação da crise ucraniana receba um novo impulso após os líderes do chamado Quarteto de Normandia, formado por Rússia, França, Alemanha e Ucrânia, terem realizado na quarta-feira (19) a sua primeira reunião do ano neste formato.

A reunião resultou na aprovação de um acordo sobre o que deverá ser realizado a curto prazo para terminar com o conflito no sudeste ucraniano, disse aos jornalistas o presidente da Rússia, Vladimir Putin.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала