'Rússia e Síria sacrificam seus heróis e o povo aprecia isso'

© Sputnik / Dmitriy VinogradovPiloto russo entra em um caça Su-24 na Síria
Piloto russo entra em um caça Su-24 na Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Um ano atrás, em 30 de setembro de 2015, a Força Aeroespacial da Rússia iniciou a campanha na Síria para combater o terrorismo, após o pedido oficial de Damasco.

Militares russos na base aérea Hmeymim na Síria - Sputnik Brasil
Washington nega ter ameaçado Moscou pela postura na Síria
Além de infraestruturas e equipamento dos terroristas destruídos, a Rússia e a Síria estreitaram a sua cooperação na área de troca de dados de inteligência e experiência de combate durante a operação.

O chefe da direção política das Forças Armadas da Síria, Usama Khudur, disse à Sputnik Árabe que, graças à operação militar russa na Síria, foram eliminadas as principiais infraestruturas dos terroristas e durante este ano provou o seu poder e a capacidade de lutar contra o terrorismo internacional.

"Esta operação militar desempenhou um importante papel no fim de proliferação dos terroristas [pelo território da Síria] e diminuição do seu poder de combate. Os ataques de precisão da Força Aeroespacial russa, coordenados com a Força Aérea da Síria, permitiram liquidar um grande número de terroristas e o seu equipamento militar", disse Khudur.

Representante oficial do Ministério das Relações Exteriores russo, Maria Zakharova, durante a entrevista coletiva semanal, Moscou, Rússia, 26 de maio de 2016 - Sputnik Brasil
Rússia responde à ameaça dos EUA de romper cooperação na Síria
A Força Aeroespacial da Rússia neutralizou mais de 50% da infraestrutura dos grupos terroristas, bloqueando as principais rotas logísticas de fornecimento de armas e petróleo destinado ao mercado negro. Segundo Khudur, tornou-se possível bloquear muitos dos fluxos financeiros destinados aos terroristas.

"Todos os resultados [da operação russa] ajudaram o Exército sírio a alcançar um êxito significativo na operação antiterrorista em muitas regiões da Síria. O Exército russo tem uma grande história militar, os militares russos têm uma experiência colossal. O Exército sírio também tem uma experiência de guerra defensiva. Assim, realiza-se a troca de experiência em voos de reconhecimento e de ataque, em operações de defesa, em combates de noite e de dia nas cidades, nas montanhas, no deserto e em florestas", acrescentou Khudur.

Segundo ele, o povo e as autoridades da Síria dão grande valor à participação do Exército russo em conjunto com a Força Aérea da Síria na operação antiterrorista porque a Rússia, bem como a Síria, sacrificam os seus heróis para eliminar a ameaça do Daesh e Frente al-Nusra.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала