Kerry diz que Assad e Daesh contribuem igualmente para a manutenção do conflito sírio

© AFP 2022 / JOSEPH EIDRetrato do presidente sírio Bashar Assad nas ruas de Damasco, Síria
Retrato do presidente sírio Bashar Assad nas ruas de Damasco, Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O secretário de Estado dos EUA, John Kerry, acredita que o governo Síria é tão responsável por minar o processo de paz na Síria como o grupo terrorista Daesh (Estado Islâmico – proibido na Rússia e em diversos outros países).

Presidente sírio, Bashar Assad fala durante uma entrevista com o canal de notícias SBS da Austrália, em Damasco, Síria. 01 de julho, 2016 - Sputnik Brasil
Assad: Ataques da coalizão dos EUA contra exército sírio é agressão que serve ao Daesh
"É natural que existam pessoas, incluindo [o presidente sírio Bashar] Assad, seus aliados e, de outro lado, a Frente al-Nusra e o Daesh, que temem tal resultado [fim do conflito]. Assad mina [os acordos], ele não acredita na paz. Frente al-Nusra e Daesh também minam, eles não querem a trégua, eles querem combater Assad" – disse Kerry em discurso no Conselho de Segurança da ONU.

Nas suas palavras, o governo sírio é responsável por minar o processo de paz por continuar "bombardeando indiscriminadamente alvos civis e da oposição" do país.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала