Perto de zona perigosa: NASA obtém primeiras imagens das margens do Sol

Nos siga noTelegram
Analisando observações do satélite Solar Terrestrial Relations Observatory (STEREO), pesquisadores da NASA localizaram a margem do sol, a fronteira entre a estrela e o resto do Sistema Solar.

Os cientistas sabem há muito tempo que o Sol e a sua atmosfera, ou coroa, são feitas de plasma – partículas carregadas que, devido às temperaturas extremamente altas, separam-se e seguem percurso pelas linhas delimitadas por campos magnéticos. Para definir o fluxo constante de partículas que se estende, para fora do Sol, espalhando por todo o Sistema Solar, astrofísicos criaram o termo "vento solar".

Desde a descoberta do vento solar, os cientistas da NASA têm estudado a origem dessas partículas positivamente e negativamente carregadas que são liberadas pela coroa do Sol, observando que as tempestades solares são perigosas e danificam satélites e linhas de transmissão de energia da Terra.

Superfície do planeta Vênus - Sputnik Brasil
NASA: Vênus podia ter sido habitado
Uma nova pesquisa recentemente publicada na revista The Astrophysical Journal, pela primeira vez descreveu como o plasma sofre uma transição ao se mover para além da superfície do Sol.

Perto do Sol, o vento solar está estruturado em raios distintos, mas quando o material solar atinge cerca de 32 milhões de quilômetros do sol, sua forma torna-se menos clara, e seu movimento mais turbulento.

"Eventualmente, o material começa a agir mais como um gás, e menos como plasma magneticamente estruturado", disse Craig DeForest, autor do estudo e físico solar do Instituto de Pesquisa do Sudoeste, no Colorado.

​A difusão acontece quando o campo magnético da nossa estrela começa a enfraquecer em relação à distância, perdendo o controle de fluxo, formando o limite que define a borda de nosso Sun.

O STEREO ajudará aos cientistas a analisar melhor os resultados da futura missão da sonda da NASA Solar Probe Plus que vai viajar pela coroa do Sol para obter informações mais detalhadas sobre a evolução do vento solar.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала