De Barcelona a Gaza: flotilha das mulheres luta contra bloqueio israelense

© Foto / Rumbo a Gaza / Pablo MiranzoMissão 'Mulheres rumo a Gaza'
Missão 'Mulheres rumo a Gaza' - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Em 14 de setembro, a flotilha, composta por mulheres, começa sua viagem do porto de Barcelona para a Faixa de Gaza. A Sputnik Mundo falou com duas membros da organização ‘Mulheres rumo a Gaza’ (Women’s Boat to Gaza), que visa quebrar o bloqueio naval do território palestino por Israel.

Jaldía Abubakra nasceu em uma família palestina em Bersebá, que é agora território israelense, e viveu 30 anos em Madrid. Ela é uma das tripulantes da flotilha 'Mulheres rumo a Gaza', e com sua participação na campanha ela quer mostrar sua "solidariedade com a população de Gaza, sobretudo as mulheres".

"Vamos acordar as consciências de toda a humanidade para chamar a atenção e denunciar o bloqueio criminoso da Faixa de Gaza, que já dura quase 10 anos", disse Jaldía à Sputnik Mundo.

As ativistas navegarão para Gaza em dois veleiros, chamados Amal (Esperança) e Zaytuna (Azeitona). Estas embarcações farão parte da flotilha que procura romper o bloqueio de Gaza. Ao mesmo tempo, as participantes da campanha entendem as dificuldades que a flotilha terá de enfrentar.

​Chamberlain, uma israelense que vive na Andaluzia, em Espanha, se juntou à ação em 2011, quando navegou para Atenas no "Gernika", um barco espanhol que participou da Segunda Flotilha da Liberdade. A coordenadora disse à Sputnik que o principal objetivo da iniciativa é enviar uma "mensagem de solidariedade e apoio às mulheres palestinas, que estão lutando contra a ocupação de seu povo".

A israelense está há décadas comprometida com a defesa do povo palestino e diz que "se autorizarem nossa chegada à Faixa de Gaza, será uma grande alegria para as pessoas que vivem em bloqueio ilegal e desumano. Ao mesmo tempo, Israel não será prejudicado com isso".

​As tripulações dos dois barcos são compostas exclusivamente por mulheres: desde as tripulações dos veleiros às jornalistas que acompanham a flotilha para cobrir o evento – a bordo do Amal e do Zaytuna não haverá nenhum homem.

© AFP 2022 / AHMAD GHARABLI Mulheres palestinianas protestam em frente da Cúpula de Rocha em Jerusalém Oriental, 27 de setembro de 2015
Mulheres palestinianas protestam em frente da Cúpula de Rocha em Jerusalém Oriental, 27 de setembro de 2015  - Sputnik Brasil
Mulheres palestinianas protestam em frente da Cúpula de Rocha em Jerusalém Oriental, 27 de setembro de 2015
A campanha 'Mulheres rumo a Gaza' é uma iniciativa da Coalizão Internacional da Flotilha da Liberdade, fundada em 2010. A Flotilha da Liberdade está lutando contra o bloqueio à Faixa de Gaza e realizou numerosas ações de solidariedade com a Palestina. Os ativistas sublinham que suas ações contra o bloqueio são sempre baseadas nos princípios da não-violência e da resistência pacífica.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала