Porta-aviões norte-americano participará dos treinamentos de ataque contra Pyongyang

© flickr.com / U.S. Pacific FleetPorta-aviões USS Ronald Reagan, da Marinha dos Estados Unidos
Porta-aviões USS Ronald Reagan, da Marinha dos Estados Unidos - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
USS Ronald Reagan da Marinha norte-americana vai participar dos exercícios conjuntos das marinhas norte-americana e da Coreia do Sul, informa a agência Yonhap citando fonte no departamento de defesa.

Durante as manobras será treinada a precisão de ataques conjuntos contra as principais instalações militares da Coreia do Norte e sua liderança em caso de guerra.

Soldados sul-coreanos (arquivo) - Sputnik Brasil
Coreia do Sul desenvolve plano de ataque preventivo contra Coreia do Norte
O USS Ronald Reagan é o navio-almirante do quinto grupo de ataque da Marinha norte-americana estacionado no Japão na base militar de Yokosuka. Ele é capaz de transportar 80 aviões de combate e mais de 5 mil pessoas. O porta-aviões está equipado com dois reatores nucleares e é o nono navio da classe Nimitz. Ao mesmo tempo das manobras vão participar os contratorpedeiros USS Curtis Wilbur, USS John S. McCain, USS Fitzgerald, USS Stethem e USS Barry.

Como disse o funcionário, citado pela Yonhap, os EUA planejam também implantar na Coreia do Sul outras forças estratégicas como, por exemplo, o bombardeiro estratégico pesado Northrop B-2 Spirit, projetado para transporte não apenas de armas convencionais, mas também de armas nucleares.

"Os militares de ambos os países devem reforçar suas capacidades de destruição de instalações militares da Coreia do Norte em caso de uma situação de emergência, posto que o quinto teste nuclear fez a ameaça nuclear da Coreia do Norte se tornar realidade", declarou o funcionário.

Os treinamentos serão realizados no mar Amarelo, em 10-15 de outubro.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала