Candidato a premier pede saída da Holanda da UE e fechamento das fronteiras para islâmicos

© AP Photo / Yves LoggheDutch populist and euro-sceptic Geert Wilders displays a yellow star he cut out of the EU flag, during news conference, in front of the European Parliament in Brussels (File)
Dutch populist and euro-sceptic Geert Wilders displays a yellow star he cut out of the EU flag, during news conference, in front of the European Parliament in Brussels (File) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O polêmico parlamentar holandês Geert Wilders, líder do Partido para a Liberdade (PVV), publicou uma manifesto pedindo o fim da entrada de imigrantes e refugiados de nações islâmicas no território do seu país e a saída da Holanda da União Europeia.

Favorito nas pesquisas para ser o novo primeiro-ministro, Wilders e suas ideias controversas têm recebido cada vez mais apoio no país. Em seu manifesto, ele defende o fim da islamização da Holanda, o que inclui o fechamento de todas as mesquitas e escolas muçulmanas e o banimento do uso do véu em público. 

As eleições holandesas estão programadas para março do ano que vem. O manifesto do PVV foi o primeiro a ser publicado por um grande partido do país até o momento. Para analistas políticos, mesmo que ganhe as eleições, Wilders dificilmente conseguirá formar uma coalizão de maioria para governar.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала