Turquia admite participação de Assad em governo de transição sírio

© AP Photo / SANABashar al-Assad, presidente da Síria
Bashar al-Assad, presidente da Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O primeiro-ministro da Turquia declarou que o presidente sírio Bashar Assad pode participar no governo de transição no seu país.

Militantes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) - Sputnik Brasil
Entrevista: Por causa de rivalidade com curdos, Turquia até quer se reconciliar com Assad
A respectiva declaração foi feita por Binali Yildirim no fim da semana passada em Istambul, informa nesta segunda-feira (22) a agência Associated Press.

Ao mesmo tempo, o alto político turco informou também que, em geral, Assad não deve participar do futuro político da Síria.

O premiê turco tinha recentemente declarado que nos próximos meses a Turquia pretende intensificar os esforços relativamente a situação na Síria visando parar o morticínio que dura há cerca de cinco anos e evitar a divisão do país. Ele especificou que isso tem a ver com as tentativas dos curdos de tomar o controle dos territórios que fazem fronteira com a Turquia, divulga a agência noticiosa.

A cidade de Aleppo - Sputnik Brasil
Ataque de artilharia visto do ar: exército de Assad contra terroristas – VÍDEO
A formação do governo de transição faz parte do documento celebrado após as negociações interssírias em Genebra que tiveram lugar em abril do ano corrente. O mesmo documento destaca as posições comuns de todos os participantes das negociações e indica que o governo transitório a ser criado no país terá responsabilidade da manutenção de independência, da unidade e integridade territorial do país.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала