- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

New York Times: acusações de doping na Olimpíada trazem lembranças da Guerra Fria

© AP Photo / Felipe DanaUm técnico de laboratório mostra um exemplo de teste para o doping no Laboratório de Controle de Doping
Um técnico de laboratório mostra um exemplo de teste para o doping no Laboratório de Controle de Doping - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
As acusações de doping nos Jogos Olímpicos Rio 2016 provocaram confrontos que trazem lembranças da Guerra Fria, comentou o jornal New York Times as declarações de diversos atletas contra seus colegas com histórico de suspensão.

Esportista russo, Aleksandr Sakhatskiy, dá o primeiro toque na bola no jogo contra Grã-Bretanha durante fase eliminatória, na competição de bocha, para osJogos Paralímpicos Rio 2016, Riocentro, Rio de Janeiro, 12 de novembro 2015 - Sputnik Brasil
Vítimas inocentes: punição sem provas e investigação final
A russa Yulia Efimova, afastadas dos Jogos Olímpicos Rio 2016, conseguiu defender o seu direito de participação através do Tribunal Arbitral do Esporte. A nadadora acabou conquistando nesta segunda-feira uma prata na competição de 100 metros de peito. Antes da largada, a russa foi vaiada pelas tribunas e as suas concorrentes norte-americanas, Lilly King e Katie Meili, ouro e bronze respectivamente, se recusaram a cumprimentar a colega na piscina e durante a cerimônia de premiação.

O atleta de mais títulos da história dos Jogos Olímpicos, Michael Phelps, declarou que “a participação de atletas com mais de um teste de doping positivo rasga o seu coração”. 

“Isso pode ser um tipo natural de auto-defesa, ou então uma preocupação com o doping por parte dos atletas, que não confiam no Comitê Olímpico Internacional (COI), mas as declarações provocaram muito momentos desconfortáveis, ofuscando alguns eventos esportivos”, escreveu o jornal norte-americano.

“Onde antes havia um silêncio incômodo, porém educado, hoje temos um confrontação direta, que acontece, em sua maioria, nas antigas “linhas de ruptura” dos tempos da Guerra Fria. Pode até ser coincidência, mas os atletas do Ocidente estão atacando os atletas com histórico de suspensões da Rússia e da China”, destacou o New York Times.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала