Pyongyang acusa EUA de preparar guerra bioquímica

© Sputnik / Ilia Pitalev / Abrir o banco de imagensCidade de Pyongyang
Cidade de Pyongyang - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Coreia do Norte acusa Washington de preparar a guerra bioquímica na península da Coreia no âmbito do programa JUPITR destinado à luta contra as ameaças bioquímicas, declarou uma fonte militar do exército da Coreia do Norte.

"O plano JUPITR das forças militares do imperialismo norte-americano prevê a realização de operações bioquímicas durante a guerra de conquista contra a Coreia (do Norte)", acrescentou o porta-voz do exército citado pela agência sul-coreana Yonhap. 

Líder norte-coreano Kim Jong Un em Pyongyang (dezembro de 2015) - Sputnik Brasil
Coreia do Norte tratará EUA 'conforme as leis da guerra'
O programa prevê a criação na Coreia do Sul de um laboratório bioquímico militar para análise de substâncias tóxicas, o que, segundo o porta-voz norte-coreano, é "totalmente inaceitável". 

"As ações dos imperialistas norte-americanos reforçam ainda mais o desejo de vingança do nosso exército e das pessoas… O nosso exército está pronto para fazer face a todos os tipos de meios de guerra dos imperialistas norte-americanos", advertiu ele. 

Kim Jong-un, líder da Coreia do Norte - Sputnik Brasil
Coreia do Norte diz que sanções dos EUA são declaração de guerra
Segundo as declarações do exército norte-americano, o programa JUPITR inclui novos equipamentos que podem acelerar e facilitar a biomonitorização realizada por forças norte-americanas na Coreia do Sul. 

Em 2015, os EUA reconheceram ter enviado por erro amostras de antraz para laboratórios privados na Coreia do Sul, em alguns estados norte-americanos e na Austrália. O secretário de Defesa dos EUA Ashton Carter apresentou suas desculpas ao ministro da Defesa da Coreia do Sul Han Min-koo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала