Ice Bucket Challenge ajuda encontrar explicação para doença de Stephen Hawking

© flickr.com / roanokecollege(CC BY 2.0)Ice Bucket Challenge no Roanoke College, Virgínia, EUA. Agosto, 24, 2014.
Ice Bucket Challenge no Roanoke College, Virgínia, EUA. Agosto, 24, 2014. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Flash Mob Ice Bucket Challenge e o dinheiro reunido nesta ação ajudaram os cientistas a descobrir o gene NEK1, um gene potencialmente ligado à esclerose lateral amiotrófica (ELA) que privou Stephen Hawking e muitas outras pessoas dos movimentos.

A ação Ice Bucket Challenge começou no inverno de 2014 quando celebridades, esportistas e políticos de todo o mundo começaram a duchar-se com água fria e fazer doações para o estudo da ELA – uma doença rara que resulta rapidamente em paralisia e morte. Duas pessoas conhecidas conseguiram evitar a morte prematura — Stephen Hawking e guitarrista Jason Becker.

Hoje (27), a organização ALS Association anunciou que foram recolhidos mais de 100 milhões de dólares durante os 30 dias que durou a ação. Esta quantia vai financiar os trabalhos de vários grupos de cientistas.

Professor Stephen Hawking - Sputnik Brasil
Stephen Hawking: 'Os dias da Terra estão contados'
Um dos grupos, o Project MinE, anunciou nesta semana ter descoberto o gene NEK1, cuja mutação está ligada ao desenvolvimento da doença. Os resultados foram obtidos após o exame dos genes de mais de 15 mil vítimas da ELA e seus parentes sãos. 

A descoberta deste gene, segundo representantes da ALS Association, confirma que esta ação não foi um simples flash mob, mas uma ferramenta real para atrair a atenção pública a um grave problema médico.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала