Avião de vigilância dos EUA faz pouso de emergência na Rússia

© AP Photo / FRANK AUGSTEIN / Abrir o banco de imagensFoto de arquivo, como exemplo: Avião da Força Aérea dos EUA pousa na base aérea Ramstein na Alemanhã
Foto de arquivo, como exemplo: Avião da Força Aérea dos EUA pousa na base aérea Ramstein na Alemanhã - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Avião americano que estava sobrevoando a Rússia, no âmbito do Tratado de Céus Abertos, fez pouso de emergência em Khabarovsk.

A informação sobre o incidente, foi divulgada à agência RIA Novosti por uma fonte do poder militar da região.

"O avião seguia rota de Ulan-Ude à Yakutsk. Após decolagem, não foi fechado um dos chassis. Por isso, foi tomada a decisão de aterrissar no aeroporto de Khabarovsk. O pouso foi realizado com sucesso." informou a fonte.

O aeroporto também confirmou o acontecimento sobre a aterrissagem de emergência feita pelo avião americano.

Uma vista ao Moscou de cima - Sputnik Brasil
Americanos e romenos vão vigilar territórios da Rússia e da Bielorrússia
Há alguns dias, o interino chefe do Centro Nacional russo para Redução do Risco Nuclear, Sergei Zavello, disse que, entre 25 e 30 de julho, os EUA realizarão missão de sobrevoo de vigilância sobre o território russo em um avião OS135B.

O Tratado de Céus Abertos foi assinado em março de 1992 e tornou-se uma das principais medidas na construção da confiança internacional pós-Guerra Fria. O documento entrou em vigor no dia 1 de janeiro de 2002 e atualmente conta com 34 Estados-membros, incluindo a maioria dos países da OTAN, bem como a Rússia.

O tratado permite realizar voos de vigilância recíprocos que por sua parte permitem observar o movimento das tropas nos territórios dos países que assinaram o documento.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала