Erdogan: UE pode enfrentar saída de outros países

© Sputnik / Aleksei Filippov / Abrir o banco de imagensO referendo do Reino Unido sobre a saída da UE
O referendo do Reino Unido sobre a saída da UE - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Mais e mais países deixarão a União Europeia no futuro próximo se a entidade continuar no mesmo caminho, afirmou neste sábado (25) o presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan à mídia local.
© AFP 2022 / ADEM ALTANPresidente turco Tayyip Erdogan em 10 de maio, 2016
Presidente turco Tayyip Erdogan em 10 de maio, 2016 - Sputnik Brasil
Presidente turco Tayyip Erdogan em 10 de maio, 2016

"Se a União Europeia aprofundar suas contradições e continuar no mesmo caminho, em breve ela enfrentará, inevitavelmente, a saída de outros países do bloco", disse o líder turco em um discurso após o referendo no Reino Unido.

O presidente turco também lamentou que a UE tenha empreendido esforços para impedir a entrada da Turquia na organização por causa da islamofobia.

​Na quinta-feira passada, no Reino Unido foi realizado um referendo em que 51,9% dos eleitores votaram a favor da saída da UE. A taxa de participação foi de 72%. A decisão do povo britânico provocou numerosas reações de políticos de todo o mundo.

O ministro de Relações Exteriores russo Sergei Lavrov durante o encontro com a Federação Mundial de Câmaras Comerciais, Moscou, Rússia, 22 de junho de 2016 - Sputnik Brasil
Chanceler russo: Brexit é um assunto interno do Reino Unido
O chefe da diplomacia russa Sergei Lavrov disse que os resultados do referendo no Reino Unido são um assunto interno do país.

Por sua vez, a chanceler alemã Angela Merkel disse que o "Brexit é um golpe contra a Europa e contra o processo de integração europeia", acrescentando que a Alemanha lamenta a decisão tomada pelo povo britânico.

De acordo com François Hollande, presidente da França e aliado de Merkel, o Brexit colocou perante a UE "um teste difícil".

Para Donald Trump, o presidenciável republicano dos EUA, o Brexit é "algo importante" e uma "votação histórica", porque "os britânicos recuperaram seu país". Ao mesmo tempo, o presidente dos EUA, Barack Obama, disse à imprensa que "está convencido de que o Reino Unido está comprometido com a saída da UE".

Brexit - Sputnik Brasil
Serra lamentou decisão de britânicos pelo Brexit
O ministro das Relações Exteriores do Brasil, José Serra, lamentou a saída do Reino Unido da União Europeia, informou Agência Brasil.

Nesta quinta (23), o Reino Unido realizou um referendo de saída da UE em que participaram 72% da população. De acordo com os resultados finais, 51,9 por cento dos eleitores, ou 17,4 milhões de pessoas, decidiram apoiar a saída do bloco, enquanto cerca de 16,1 milhões estiveram contra.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала