Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Europeus querem decidir por si próprios quem será aceito na UE

© AFP 2021 / OZAN KOSEBandeira da União Europeia
Bandeira da União Europeia - Sputnik Brasil
Nos siga no
De acordo com uma pesquisa do projeto Sputnik-Opinião, a maioria dos italianos (66%), alemães (63%) e franceses (63%) quer decidir em referendo quais os países extracomunitários que poderão ter acordos de associação* com a União Europeia.

Estes dados foram obtidos em resultado de uma enquete realizada pelas empresas Populus e IFop para a agência de notícias e rádio Sputnik.

Fumaça após ataques aéreos da coalizão liderada pelos EUA contra militantes do Daesh em Kirkuk - Sputnik Brasil
Europeus suspeitam Turquia de colaboração com Daesh
Em 6 de abril, na Holanda terá lugar um referendo sobre a associação da Ucrânia à União Europeia. De acordo com a pesquisa do Sputnik-Opinião, os italianos são os partidários mais ativos da iniciativa de realizar referendos para deliberar sobre a associação com outros países: 66% dos habitantes da Itália gostariam de resolver a questão da adesão de novos países à União Europeia no âmbito de um referendo. Esta opinião é partilhada pela maioria dos habitantes da Alemanha e da França – 63% em cada país. A porcentagem dos que estão contra referendos nos seus países é mais baixa: 23%, 20% e 18% na Alemanha, França e Itália respectivamente.

As opiniões dos britânicos dividiram-se: a porcentagem dos habitantes desta ilha que se manifestam a favor da participação nas decisões sobre a associação de terceiros países com a UE é 43%. Já 40% dos britânicos responderam que “não sabem” se é preciso tomar parte ativa na votação.

© SputnikEuropeus querem decidir por si próprios quem será aceito na UE
Europeus querem decidir por si próprios quem será aceito na UE - Sputnik Brasil
Europeus querem decidir por si próprios quem será aceito na UE
A pesquisa foi realizada no Reino Unido e na Irlanda do Norte pela empresa Populus, uma das maiores empresas britânicas de pesquisa de opinião pública, entre 4 e 9 de março de 2016. Um total de 1.085 respondentes deste país participou da enquete, realizada entre 8 e 10 de março de 2016. Na Alemanha foram entrevistadas 1.002 pessoas, na Itália — 994 e na França — 1.005 pessoas. O responsável pela pesquisa foi o Instituto Francês de Opinião Pública, iFop.

O que é o Sputnik-Opinião?

Este projeto internacional de estudo da opinião pública começou em janeiro de 2015. As conhecidas empresas Populus e IFop são parceiras do projeto. No quadro da Sputnik-Opinião (Sputnik.Polls) são realizadas regularmente pesquisas em vários países da Europa e dos EUA sobre os temas sociais e políticos de maior atualidade.

A Sputnik (sputniknews.com) é uma agência de notícias e rádio com representações e redações multimídia em dezenas de países. A Sputnik inclui sites (34 ao todo), emissões rádio analógicas e digitais, aplicativos para celular e páginas nas redes sociais.

Conheça outras enquetes da Sputnik-Opinião.

*A Ucrânia e a UE assinaram um acordo de Associação que prevê uma associação política e econômica, além de uma zona de comércio livre. Conforme este acordo, a Ucrânia deve fazer reformas na sua economia e legislação para aproximá-las das exigências da UE. A associação é um passo imprescindível no caminho à aceitação completa na UE.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала