Chancelaria russa: oposição síria está pronta para negociações em Genebra

© Sputnik / Aleksandr Vilf / Abrir o banco de imagensA representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova
A representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, está realizando uma coletiva de imprensa na véspera das negociações de paz relativas à crise síria.

Mapa do Oriente Médio - Sputnik Brasil
'Rússia está sempre preparada para mediar conflitos no Oriente Médio'
Segundo lembrou Zakarova, a delegação da oposição síria foi formada no âmbito dos encontros em Moscou e Cairo.

A delegação já chegou ao local da realização das negociações, a cidade de Genebra (Suíça) e está pronta para o trabalho, divulgou ela.

“Os especialistas russos também trabalham na Genebra, estão presentes lá”, sublinhou.

A chancelaria russa também expressou esperança que todos os grupos da oposição na Síria mostrem a sua prontidade para começar negociações. Mas de acordo com Maria Zakharova, ainda não há dados a este respeito.

“No que toca ao grupo de oposição, formado no resultado da reunião em Riad, nós ainda não temos esta informação. Quer dizer, eu não posso confirmar que os representantes deste grupo mostraram a sua prontidão para começar o trabalho. Esperamos que as respectivas declarações surjam”, disse.

Um bombardeiro estratégico Tu-22, da Força Aeroespacial da Rússia, durante a operação na Síria - Sputnik Brasil
Estado-Maior russo: Daesh perdeu iniciativa na Síria ocidental
A Síria continua vivendo desde 2011 no estado de guerra permanente, no âmbito da qual as forças do governo do presidente sírio Bashar Assad combatem vários grupos de rebeldes e extremistas, inclusive os terroristas da Frente al-Nusra e do Daesh, grupos extremista proibidos na Rússia.

A Rússia, por sua vez, tem demonstrado grande capacidade em liderar os esforços de paz na região.

Os êxitos da operação aérea realizada pelas Forças Aeroespaciais russas desde 30 de setembto de 2015 já foram várias vezes admitidos por especialistas internacionais.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала