‘Cortina de papel entre a Ucrânia e a UE vai cair no próximo ano’ - Poroshenko

© Sputnik / Pyotr Zadorozhny / Abrir o banco de imagensManifestação a favor de integração europeia em Kiev, Ucrânia
Manifestação a favor de integração europeia em Kiev, Ucrânia - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Ucrânia espera que a UE conceda ao país o regime de isenção de vistos este ano, disse o presidente ucraniano, Pyotr Poroshenko, durante seu discurso de Ano Novo à nação.

"A cortina de papel entre a Ucrânia e a UE vai cair no próximo ano", disse Poroshenko, de acordo com a RIA Novosti. «O nosso povo será capaz de visitar livremente a Europa em viagens de negócios e como turistas, e participar em programas de intercâmbio. Este processo deve ser uma via de dois sentidos."

Presidente da Ucrânia Pyotr Poroshenko - Sputnik Brasil
Poroshenko assina leis para isenção de vistos com União Europeia
No entanto, a fim de estabelecer laços mais estreitos com a Europa, a Ucrânia deve primeiro lidar com a corrupção desenfreada no país, adicionou Poroshenko.

"Nós temos tudo de que precisamos para esta batalha. Nós estabelecemos agências anticorrupção novas e politicamente independentes», afirmou.

Em setembro de 2014, o parlamento ucraniano ratificou o Acordo de Associação com a União Europeia e se comprometeu a adotar legislação para cumprir os critérios estabelecidos no Plano de Ação da UE para a Liberalização de Vistos com a Ucrânia.

Em dezembro de 2015, a Comissão Europeia disse que a Ucrânia, juntamente com a Geórgia, tinha levado a cabo as reformas prometidas para ganhar apoio de Bruxelas e iniciar o processo de isenção de vistos com a UE no início de 2016.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала