Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Mídia: Daesh se permite extrair órgãos de sequestrados

© Sputnik / Valeriy MelnikovMoradores de um vilarejo cristão destruído pelo Daesh no nordeste da Síria
Moradores de um vilarejo cristão destruído pelo Daesh no nordeste da Síria - Sputnik Brasil
Nos siga no
Um documento do grupo terrorista Daesh permite usar órgãos de sequestrados.

Um documento do grupo terrorista Daesh permite usar órgãos de sequestrados.

Adam Szubin, director of the Treasury Department's Office of Foreign Assets Control, is interviewed by The Associated Press at the Treasury Department in Washington. File photo - Sputnik Brasil
Rússia e EUA são parceiros em resolução contra financiamento a terrorismo
O documento, junto com outros, foi obtido pelas tropas especiais dos EUA no âmbito de uma operação especial realizada em maio de 2015, informou a Reuters.

A agência noticiosa sublinha que não conseguiu confirmar a autenticidade do documento.

"Não é preciso ter respeito à vida e aos órgãos de um apóstata, eles podem impunemente ser extraídos," diz-se no documento que é uma fatwa, ou seja, deliberação emitida de acordo com a lei islâmica.

É uma lei do assim chamado Comitê de Fatwas e Pesquisas do Daesh, que serve para esclarecer algo do ponto de vista da jurisprudência islâmica.

De acordo com a fatwa 68, os órgãos de um sequestrado podem ser extraídos mesmo se isso implica a morte iminente deste último.

A Reuters notou que "o documento não prova o fato de que os militantes do Daesh extraiam e vendam órgãos de sequestrados", mas a fatwa oferece "uma base religiosa para o uso de órgãos de infiéis".

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала