Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Ucrânia continua tentando evitar pagamento da dívida à Rússia

© Sputnik / Mikhail Polinchak / Abrir o banco de imagensMinistra ucraniana das Finanças Natalie Jaresko durante uma sessão do governo
Ministra ucraniana das Finanças Natalie Jaresko durante uma sessão do governo - Sputnik Brasil
Nos siga no
A ministra das Finanças da Ucrânia, Natalia Jaresko, disse que o seu país pode se recusar a pagar os 3 bilhões de dólares que deve à Rússia - pelo menos no prazo previsto até 21 de dezembro.

A respectiva declaração foi feita durante uma entrevista publicada nesta terça-feira pelo jornal japonês Nikkei.

O vice-presidente dos EUA Joe Biden - Sputnik Brasil
Biden: Ucrânia deve erradicar o câncer da corrupção
"Nós estamos preparados para qualquer opção", manifestou Jaresko, citada pelo jornal.

Mais cedo, o primeiro-ministro ucraniano, Arseny Yatsenyuk, tinha feito uma declaração semelhante, sublinhando que o país poderia se recusar a pagar a dívida completamente.

A Rússia diz estar pronta para aceitar a reestruturação da dívida ucraniana, caso tal pedido chegue a ser apresentado por Kiev. Deste modo, no que resta de 2015, as autoridades da Ucrânia só iriam pagar os juros, protelando o prazo do pagamento do montante total até 2018, com parcelas equivalentes a 1 bilhão pagas a cada ano.

A ministra Jaresko declara que isso "viola as normas de prestação de ajuda por parte do Fundo Monetário Internacional (FMI)".

Por sua parte, a assessora do ministro das Finanças russo, Svetlana Nikitina, disse que é o devedor quem deve solicitar a reestruturação.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала