Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Grécia prepara programa para imigrantes: "não haverá campos de concentração em nosso país"

© REUTERS / Alexandros AvramidisRefugiados e migrantes estão dormindo perto da fronteira entre a Grécia e Macedônia, 6 de setembro de 2015
Refugiados e migrantes estão dormindo perto da fronteira entre a Grécia e Macedônia, 6 de setembro de 2015 - Sputnik Brasil
Nos siga no
O governo da Grécia anunciou nesta segunda-feira, 26, que está preparando um programa de auxílio-aluguel para receber imigrantes no país. Com o novo plano, os gregos pretendem aumentar a capacidade de abrigo dos refugiados para 50 mil pessoas.

Olga Gerovasili, porta-voz do governo, disse que o programa deve alcançar mais de 20 mil pessoas e servir como uma alternativa ao plano da União Europeia de hospedagens em acampamentos. Ela disse que o governo rejeitou a proposta no domingo, 25, em encontro com líderes europeus afetados pela crise e reforçou que "não haverá campos de concentração em nosso país". 

Refugiados e migrantes chegam à praia da ilha grega de Lesbos, 9 de setembro de 2015 - Sputnik Brasil
Mais de meio milhão de refugiados chegaram à Grécia fugindo da guerra e agora do frio
"O que nos foi pedido — que colocássemos 20 mil pessoas em um acampamento gigante — foi rejeitado. Começamos uma discussão sobre como a economia pode crescer de uma maneira mais humana, sobre como podemos receber esses refugiados", disse à rádio Parapolitika. Gerovasili também afirmou que o programa de auxílio-aluguel planejado precisa de suporte financeiro da União Europeia.

O primeiro-ministro Alexis Tsipras, que havia estipulado uma meta de 30 mil abrigados, afirmou que a Grécia vai aumentar a capacidade de abrigo para refugiados do Oriente Médio, Ásia e África. Desde que foi eleito, o governo Tsipras fechou campos de refugiados e promoveu a criação de abrigos voluntários. Os refugiados que buscam países mais estáveis, porém, não têm interesse em ficar nas instalações das Olimpíadas de 2004, pois temem não conseguir sair do país depois.

O número de imigrantes que passam pela Grécia aumentou. Recentemente, 3.500 refugiados, em média, entravam no país todos os dias. Já nas últimas 24 horas, a polícia estima que 8.300 pessoas passaram pela fronteira de Idomeni, entre a Grécia e a Macedônia.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала