Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Paquistão implementa projeto russo de desenvolvimento do setor energético

© AFP 2021 / ATTA KENAREInauguração de um trecho do gasoduto entre o Irã e o Paquistão
Inauguração de um trecho do gasoduto entre o Irã e o Paquistão - Sputnik Brasil
Nos siga no
O acordo entre a Rússia e o Paquistão sobre a cooperação no setor energético será finalizado dentro de um mês, disse o ministro das Minas e Recursos Terrestres do país asiático, Shakhid Khakan Abbasi, em entrevista exclusiva à Sputnik, concedida após o encontro com o ministro da Energia russo, Aleksandr Novak.

Gasoduto em Beregdaroc, Hungria, um dos pontos de passagem do gás russo à UE - Sputnik Brasil
Reunião sobre gás entre UE, Rússia e Ucrânia é adiada
Trata-se de um acordo ao nível estatal. Já as negociações sobre o acordo comercial "podem levar mais tempo", disse o ministro paquistanês.

"Nós temos a expectativa de finalizar [as negociações] dentro dos próximos dois ou três meses", assegurou Abbasi.

"Estamos trabalhando agora em um projeto de gasoduto para levar o gás do sul do Paquistão, onde está o nosso porto e onde chegará o gasoduto desde o Irã e o Turcomenistão, e que transportará o gás até aos mercados no norte do Paquistão. Temos estado trabalhando neste projeto muito seriamente durante os últimos seis meses, e hoje nos reunimos com o ministro da Energia Novak", frisou o ministro iraniano.

De acordo com Abbasi, o acordo ao nível interestatal está quase pronto:

"Os governos manifestaram o apoio total a este projeto, de modo que nós esperamos que começar já este ano a implementar este projeto com a companhia russa Rostec. É um projeto 100% russo <…> Os russos serão os responsáveis pelo financiamento. Trata-se de um projeto de 1,5 — 2 bilhões de dólares, sendo um início substancial para a nossa cooperação", compartilhou o ministro.

Gás liquefeito

A participação russa no setor energético paquistanês abrange as áreas de extração, separação e desidratação. Segundo o ministro Abbasi, a sucursal de Singapura da empresa russa Gazprom irá fornecer também matéria-prima para o primeiro terminal de gás natural liquefeito (GNL) do Paquistão.

"Este é o desenvolvimento mais recente. Acabamos de discutir o assunto hoje e estamos muito interessados nesta cooperação", declarou Abbasi.

Além disso, o ministro paquistanês convidou as companhias russas do setor a visitarem o Paquistão nos próximos meses para considerar se desejam ampliar as suas atividades neste país, dentro de um bloco de concessão próprio (território alugado a um Estado ou companhia) ou de um bloco de concessão já reservado pelas empreiteiras locais.    

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала