Putin: “Cortar o gás a Donbass cheira a genocídio"

© Sputnik / Aleksei Druzhinin / Abrir o banco de imagensVladimir Putin
Vladimir Putin - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente russo, Vladimir Putin, disse nesta quarta-feira que a cessação do fornecimento de gás por parte de Kiev para o Donbass "cheira a genocídio".

“Além de haver lá (em Donetsk, Lugansk) fome, de a OSCE afirmar que há uma catástrofe humanitária, ainda por cima desligam o fornecimento de gás! Como se chama isto? Isto já cheira a genocídio”, disse Putin numa conferência de imprensa após reunião com o seu homólogo cipriota, Nicos Anastasiades.

“Aparentemente, há alguns líderes ucranianos que não compreendem as questões humanitárias. O próprio conceito, na minha opinião, é esquecido”, acrescentou.

Putin disse que quando ele discute essas questões com a liderança ucraniana, ouve em resposta: "eles mesmos estão combatendo, não vamos pagar nada a eles".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала