Militantes do Estado Islâmico queimaram mais de 40 pessoas no Iraque

Nos siga noTelegram
Os militantes do grupo terrorista Estado Islâmico queimaram 43 pessoas em uma jaula.

A execução foi realizada esta terça-feira (17) em al-Baghdadi na província de Anbar, no oeste do Iraque, noticia este sábado (21) a EFE com a referência a fontes policiais iraquianas.

As vítimas de militantes eram funcionários da polícia e membros do Movimento de Salvação sunita, capturados pelo Estado Islâmico (EI).

No verão passado, os extremistas do EI conquistaram grandes áreas no norte e no oeste do Iraque, bem em parte do território da Síria. As forças da coalizão internacional realizam desde agosto ataques aéreos contra as posições do EI a fim de deter o avanço dos islamitas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала