Cameron: UE prepara resposta à violação da trégua no Donbass

© Sputnik / Sergei Guneev / Abrir o banco de imagensDavid Cameron
David Cameron - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O primeiro-ministro britânico, David Cameron, e o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, acreditam que os separatistas ucranianos continuam a violar os termos do armistício, e que a UE terá de adotar as respostas adequadas, dependendo das próximas mudanças da situação na Ucrânia.

"O presidente do Conselho Europeu Donald Tusk contatou esta noite com o primeiro-ministro para discutir a forma como a UE deve responder à continuação da violência no leste da Ucrânia. Ambos expressaram sua profunda preocupação com o fato de que, desde a entrada em vigor da trégua, os separatistas apoiados pelos russos continuarem a atacar Debaltsevo, 

Trégua em Donbass - Sputnik Brasil
Trégua em Donbass
forçando o exército ucraniano a realizar uma retirada organizada, bem como com o fato de os separatistas violarem o cessar-fogo em outros lugares, em Donetsk e Lugansk", se diz na mensagem do Gabinete do primeiro-ministro britânico.

"Eles concordaram que a UE deve deixar claro para a Rússia que os separatistas pró-russos devem obedecer aos termos do armistício. Ambos os líderes concordaram que os Estados-membros da UE podem necessitar de rever a resposta da UE em conformidade com situação", diz o relatório.

Anteriormente os líderes dos países do Ocidente falaram muitas vezas da presença de militares russos no sudeste do país. Moscou tem afirmado em repetidas ocasiões que não é uma parte do conflito interno ucraniano e que está interessada em que o país vizinho supere a crise política e econômica.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала