Na noite de 14 de novembro de 2017, um grupo de militares tomou controle da sede do canal de televisão zimbabuana ZBC para anunciar, ao vivo, início da revolta. O major-general Moyo, quem fez o pronunciamento, declarou que a rebelião não era contra o presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, e sim contra os "criminosos" ao redor do líder do país. No dia seguinte, Robert Mugabe, que liderou o país por 37 anos, foi preso, e a sua mulher, Grace, fugiu do país.

Robert Mugabe, presidente do Zimbábue, é visto em 17 de agosto de 2008 - Sputnik Brasil
Matérias
Escolher o período
mais matérias
  • Nesta semana
  • Neste mês
  • Neste ano
  • Tudo
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала