09:30 15 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Brasil

    Brasil enfrentando COVID-19 no início de maio de 2021

    No início de maio o país contabiliza 14,6 milhões de casos de infecção pelo novo coronavírus e 400 mil mortes e continua como o segundo país do mundo em ambos os números. No momento, o país está no centro de um escândalo sobre a aprovação da vacina russa Sputnik V. Após Anvisa rejeitar o pedido de importação emergencial do imunizante russo, o fabricante da Sputnik V declarou que a decisão do regulador poderia ter motivações políticas e disse que entraria com ação judicial contra Anvisa por difamação ao divulgar informações falsas sobre o imunizante. Quanto a outras vacinas, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária autorizou a Fiocruz a utilizar insumos produzidos no país para fabricação do imunizante da AstraZeneca/Oxford. No total, mais de 30 milhões de pessoas receberam a primeira dose da vacina contra COVID-19 no Brasil, o que corresponde a 15% da população, o número de pessoas que receberam a segunda dose é duas vezes menor.

    Mais