23:21 22 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Sociedade
    URL curta
    10441
    Nos siga no

    Usuários dos aplicativos Facebook, Instagram e WhatsApp reclamaram em diferentes países, incluindo no Brasil, de falhas de serviços em larga escala.

    A maioria dos casos de falhas de conexão é relatada por internautas dos EUA e do Reino Unido, assim como do Brasil, Canadá, dos Países Baixos, da Alemanha, da Itália, da França e da Rússia, entre outros países.

    A maioria dos usuários do Facebook reclama do desempenho da plataforma, bem como das fracas conexões ao servidor e das falhas de aplicativos. O Instagram sofre principalmente falhas no aplicativo, bem como falhas na conexão com o servidor. O caso do WhatsApp também é idêntico no campo de conexão ao servidor.

    Até agora, foram reportados mais de 80 mil problemas com Facebook, 67 mil com o Instagram, e com o WhatsApp foram registrados outros 20 mil.

    Estamos cientes de que algumas pessoas estão tendo problemas para acessar nossos aplicativos e produtos. Estamos trabalhando para que tudo volte ao normal o mais rápido possível e pedimos desculpas por qualquer incômodo.

    Tal acontecimento foi apontado pelo Downdetector, uma plataforma que rastreia falhas ao coletar relatórios de várias fontes, incluindo informações de erros enviados pelos seus usuários.

    Em sua conta na plataforma Twitter, Brian Krebs, antigo jornalista do The Washington Post, disse que na manhã de hoje (4) os dados do DNS que apontam aos sistemas a via para acessar o Facebook e o Instagram foram apagados das tabelas de roteamento global.

    Confirmado: registros DNS que informam aos sistemas como encontrar o Facebook ou o Instagram foram retirados esta manhã [4] das tabelas de roteamento global. Você consegue se imaginar trabalhando no Facebook agora, quando seu e-mail não funciona mais e todas as suas ferramentas internas baseadas no Facebook falham?

    Uma hora após essa publicação, foi reportado que a rede social TikTok também apresentou falhas na conexão.

    É, contudo, possível que esta falha na conexão esteja afetando um número maior de usuários do que o reportado até o momento.

    Então, alguém excluiu grandes seções do roteamento. Isso não significa que o Facebook está apenas fora do ar, pelo que parece. Isso significa que o Facebook está ACABADO.

    Usuários das plataformas Twitter, LinkedIn, Gmail, Tinder, e Telegram também reportaram problemas técnicos. No entanto, o número de companhias afetadas pela situação exposta deverá continuar a aumentar. 

    Os mercados reagiram rapidamente às falhas sentidas nos gigantes de aplicativos. O valor do Facebook caiu em 5,29%, a Apple em 2,78%, e o Twitter sentiu o maior corte, com quedas de 6,62% em seu preço de mercado. Do mesmo jeito, a bolsa de valores NASDAQ também sofreu uma queda de 2,3%. Outros gigantes como a Amazon e a NVIDI também caíram no valor de mercado em 2,85% e 5,04%, respectivamente.

    O diretor tecnológico do Facebook, Mark Schroepfer, afirmou que a empresa está trabalhando o mais rápido possível para restaurar as operações em suas plataformas.

    Recentemente, foram também registradas falhas nos aplicativos do Snapshat, Zoom, Netflix, YouTube, e até no Bank of America, que é o segundo maior banco dos EUA.

    Mais:

    Facebook segue minando políticas de privacidade através de usuários do WhatsApp, indica investigação
    Facebook permite a pessoas famosas publicar conteúdo que viola regras da rede social, diz WSJ
    Regulação de redes sociais no Brasil: quais seriam as consequências para usuários e empresas?
    Tags:
    Facebook, Instagram, WhatsApp, aplicativos, problemas, conexão, mundo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar